Tratamentos

Lesões no joelho aumentam as chances de osteoartrose

As causas da osteoartrose (doença articular degenerativa) não são totalmente claras, mas alguns fatores são conhecidos por aumentar o risco de ocorrência. Um deles é a lesão provocada por esportes ou algum outro trauma.

As lesões podem ocorrer em qualquer articulação, mas o joelho é particularmente vulnerável, especialmente quando envolvem lesões relacionadas ao esporte.

Lesões comuns do joelho incluem: lesões do ligamento cruzado anterior (LCA), lesões do menisco e da cartilagem.

Se você sofreu lesões no joelho no passado, existem medidas que você pode tomar para minimizar o risco de desenvolver osteoartrose:

  • Manter o peso sob controle;
  • Evitar atividades de alto impacto, mas se mantendo fisicamente ativo;
  • Fortalecer os músculos ao redor do joelho e quadris;

A cartilagem requer movimentação para nutrição adequada, e com o sedentarismo a cartilagem não está sendo nutrida adequadamente e os músculos enfraquecem; isto pode contribuir para o desenvolvimento da artrose ou piora dos sintomas.

Quer saber mais sobre cirurgia do joelho e quadril? Acesse o nosso site: www.institutofuchs.com.br

Você também pode acompanhar as atualizações no Instagram: @instituto_fuchs

Artroplastia total do joelho devolve qualidade de vida

Você sabia que a durabilidade média de uma artroplastia total do joelho é de 15 a 20 anos?

A prótese do joelho geralmente é indicada para pacientes acima de 60 anos, nos casos mais avançados de artrose do joelho, com dor e limitação nas atividades da vida diária, e que buscam qualidade de vida. Em casos especiais também podem ser realizadas em pacientes mais jovens (abaixo dos 60 anos).

A artroplastia do joelho é uma cirurgia que substitui a superfície articular por uma prótese metálica e de polietileno. A taxa de bom resultado é de aproximadamente 90% a 95% dos casos.

Existem basicamente dois tipos de artroplastia do joelho, a total e a unicompartimental. Na artroplastia total do joelho, toda a superfície articular femorotibial é trocada, e a patela somente quando necessário. Na artroplastia unicompartimental do joelho, apenas o lado afetado (interno ou externo) da articulação é substituído.

Para saber mais, marque uma consulta! O Instituto Fuchs está na Ortopedia Sete (Av. Sete de Setembro, 6496 – Curitiba – Telefone: 41 3026-6959) e na Artro Clínica de Ortopedia (Av. Vicente Machado, 2439 – Curitiba – Telefone: 41 3340-5500).

Gostou? Continue acompanhando as nossas atualizações também no Instagram: @instituto_fuchs

Instituto Fuchs é referência no tratamento de artrose do quadril em Curitiba

Artroplastia total do quadril devolve qualidade de vida

Você sabia que a durabilidade média de uma artroplastia total do joelho é de 15 a 20 anos?

A prótese do joelho geralmente é indicada para pacientes acima de 60 anos, nos casos mais avançados de artrose do joelho, com dor e limitação nas atividades da vida diária, e que buscam qualidade de vida. Em casos especiais também podem ser realizadas em pacientes mais jovens (abaixo dos 60 anos).

A artroplastia do joelho é uma cirurgia que substitui a superfície articular por uma prótese metálica e de polietileno. A taxa de bom resultado é de aproximadamente 90% a 95% dos casos.

Existem basicamente dois tipos de artroplastia do joelho, a total e a unicompartimental. Na artroplastia total do joelho, toda a superfície articular femorotibial é trocada, e a patela somente quando necessário. Na artroplastia unicompartimental do joelho, apenas o lado afetado (interno ou externo) da articulação é substituído.

Para saber mais, marque uma consulta! O Instituto Fuchs está na Ortopedia Sete (Av. Sete de Setembro, 6496 – Curitiba – Telefone: 41 3026-6959) e na Artro Clínica de Ortopedia (Av. Vicente Machado, 2439 – Curitiba – Telefone: 41 3340-5500).

Gostou? Continue acompanhando as nossas atualizações também no Instagram: @instituto_fuchs

Tendinite no quadril durante a gestação

Você sabia que as gestantes podem desenvolver tendinite nos quadris? Isso acontece principalmente devido ao aumento do peso corporal, que causa sobrecarga em várias regiões do corpo, incluindo os quadris.

Os abdutores, principais músculos estabilizadores do quadril, suportam de 2 a 3 vezes o peso corporal a cada passo.

Mas o problema não se restringe à gestação, pois no pós-parto a mulher também pode sofrer com o problema. Carregar o bebê de um lado para o outro e ficar com posturas inadequadas, inclusive, durante a amamentação, pode colaborar com a sobrecarga aos músculos e tendões.

Por isso, a dica para a mamãe é seguir uma rotina de exercícios físicos específicos para o fortalecimento e alongamento muscular.

Sente dor no quadril? Ligue para o Instituto Fuchs e agende a sua consulta.

Entre em contato pelo telefone (41) 3026-6959. Saiba mais emwww.institutofuchs.com.br

Qual a amplitude do movimento após a prótese do quadril

Nos consultórios, nós recebemos uma pergunta com frequência. “Qual a amplitude de movimento após a prótese de quadril?”

A resposta não é simples e leva em consideração condições variáveis como o grau de desgaste, deformidades, tempo de dor, musculatura do paciente, por exemplo, mas o implante de qualidade permite um movimento muito próximo de um quadril normal.

Para a reabilitação completa, o paciente deverá tomar algumas precauções nos primeiros meses após a operação. Até o terceiro mês de pós-operatório, os movimentos de flexão do quadril acima de 90º e na adução – quando cruza e joga a perna para dentro, com flexão exagerada – devem ser evitados. É nessa fase que ocorre o principal período de cicatrização das partes moles, da cápsula articular, da musculatura que estabiliza a prótese e permite o movimento mais amplo.

Quer saber mais? Acesse o nosso site www.institutofuchs.com.br. Para agendar uma consulta entre em contato conosco pelo telefone (41) 3026-6959 ou no (41) 3340-5500.

VÍDEO: Tenho impacto bilateral. Se eu não fizer cirurgia terei artrose? Thiago Fuchs responde!

Estudos mostram que pacientes com impacto femoracetabular sintomático (com dor), em 15 anos, possuem 70% de chance de precisar de uma prótese do quadril. Dr. Thiago Fuchs explica! Confira:

 

Instituto Fuchs Live

O Instituto Fuchs promove discussões sobre temas relacionados ao quadril e joelho com objetivo de compartilhar conhecimento científico de qualidade com a população mensalmente pela página oficial no Facebook.

Live: Opções e técnicas de tratamento não cirúrgico do joelho

O médico ortopedista especialista em joelho e quadril do Instituto Fuchs, Thiago Fuchs, e a fisioterapeuta Rubia Benatti se reuniram na noite desta terça-feira (4) para responder dúvidas de internautas sobre métodos não cirúrgicos para tratamento do joelho.

O encontro é uma iniciativa do Instituto Fuchs que reúne mensalmente ortopedistas e convidados para levar conhecimento científico de qualidade para a população em transmissão ao vivo e interativa pelo Facebook.

Durante o bate-papo, os especialistas falaram sobre temas como prevenção de problemas articulares, fortalecimento da musculatura e tratamentos.

Confira na íntegra:

Vale a pena fazer prótese em pessoa acima de 80 anos?

Estalos no quadril precisam de atenção?

Estalos na articulação acontecem normalmente, mas merecem atenção quando são acompanhados de alguma dor ou desconforto.

No quadril, as queixas mais comuns no consultório são o de ressalto externo e ressalto interno.

O ressalto externo do quadril, um estalido na lateral que ocorre no movimento de dobrar ou esticar o quadril como ao subir escadas, acomete principalmente mulheres jovens. Pode ser audível e visível, e costuma ser assintomático. O tratamento na maioria dos casos é alongamento e orientação.

O ressalto interno do quadril, sentido na região da virilha, é causado pelo atrito do tendão do psoas, músculo responsável pela flexão do quadril. Dependendo da forma com que ele passa sobre o quadril no acetábulo pode causar um “clique”.

Quando ocorre dor associada aos estalos, sensação de desencaixe ou incômodo na região do quadril pode ser sinal de uma lesão articular, como uma lesão do labrum, que deve ser avaliada por um médico ortopedista especialista em quadril para diagnosticar e indicar o tratamento adequado.

O Instituto Fuchs atua no tratamento de problemas do quadril e do joelho. Entre em contato pelo telefone (41) 3026-6959 e marque uma consulta!

Endereço

Av. Sete de Setembro nº 6.496 Seminário - Curitiba/ Paraná
(41) 3026-6959
contatos@institutofuchs.com.br

Siga-nos em nossas Redes

Horários de Atendimento

De Segunda à Quinta-feira dás 9:00h - 19:00h
Sexta dás 8:00h ás 17:00h