Displasia do quadril é uma das principais causas de artrose em adultos

A luxação congênita ou displasia do desenvolvimento do quadril é umas das principais causas de artrose em pacientes com menos de 60 anos e uma das principais indicações para prótese total do quadril. A doença é causada pela falta de cobertura óssea acetabular (parte da bacia) sobre a cabeça do fêmur (osso da coxa).

Quando o diagnóstico acontece em crianças e adolescentes, existem tratamentos para tentar restabelecer essa anatomia. Nos adultos com menos de 40 anos é necessário uma avaliação da lesão na cartilagem e dos sintomas apresentados para definir se é possível realizar uma cirurgia preservadora, como uma osteotomia periacetabular ou artroscopia.

Já em pacientes com mais idade ou com maior desgaste da cartilagem, o tratamento mais comum é a prótese total de quadril.